10 alimentos para perder barriga

Desfilar com uma silhueta longilínea e com a barriga chapada é o objetivo de muita gente, mas nem sempre é tarefa das mais fáceis. Exige disciplina, alimentação adequada e a prática constante de exercícios físicos. O acúmulo de gordura na região abdominal não deve ser encarado só como uma preocupação estética, mas sim, como um sinal de que algo não vai bem com o organismo, alerta Licinia de Campos, coordenadora do curso Gestão da Cadeia Agroalimentar, na pós-graduação da Faculdade Oswaldo Cruz, em São Paulo.

Ter uma barriga sarada é importante não somente por conta da vaidade. O excesso de gordura abdominal – em particular a gordura visceral, o tipo que permeia os órgãos e incha o estômago – é um precursor de doenças cardíacas, diabetes do tipo 2, resistência insulínica e alguns tipos de câncer. Se a dieta e os exercícios não contribuíram para reduzir a protuberância, então os hormônios, fator idade ou outros fatores genéticos podem ser o motivo”, relata.

    Uma consulta ao médico pode esclarecer essas dúvidas e indicar qual a melhor dieta, combinada a exercícios físicos, para quem quer conquistar a tão sonhada barrida sarada.

    Veja dicas de 10 alimentos que ajudam a eliminar gordura abdominal. Mude de rotina, afinal, não é mito: alimentação saudável ajuda, sim, a chapar a barriga.

1- Amêndoas: contêm proteínas saciadoras, fibras, vitamina E e é um poderoso antioxidante.

2- Ovos: a mais perfeita fonte protéica. São altamente respeitados por conta de seu equilíbrio em aminoácidos essenciais, blocos construtores usados pelo organismo para fabricar desde as fibras musculares até as químicas cerebrais.

3- Soja: é uma boa fonte de antioxidantes, fibras e proteínas. 25 gramas de proteína de soja (não isolada) por dia ou ½ xícara de edamame (preparado feito com grãos de soja ainda dentro da vagem) possuem baixas calorias e alto teor em proteínas.

 

4- Maçãs: uma maçã grande possui cinco gramas de fibras, mas é quase 85% de água, o que ajuda a saciedade.

 

5- Frutas vermelhas: a maioria é lotada de fibras, ricas em antioxidantes,  protegem das doenças crônicas e ajudam a otimizar o fluxo sanguíneo, além de ajudar a contração dos músculos mais eficientemente.

 

6- Folhosos verdes: os carotenóides protetores de câncer não encolhem a silhueta, mas a baixa contagem de calorias sim. Uma xícara de espinafre contém somente 40 kcal, e 1 xícara de brócolis 55 kcal e satisfazem 20% das necessidades diárias em fibras.

 

7- Iogurte: as pessoas que obtêm cálcio de iogurte perdem mais peso na região ao redor da cintura de acordo com estudo publicado no International Journal of Obesity. A bactéria probiótica ajuda a manter o sistema digestivo saudável.

 

8- Peixes gordos: salmão, atum e sardinha são excelentes fontes de ácidos graxos ômega 3. Estas gorduras saudáveis ajudam na perda de calorias, tornando o metabolismo mais eficiente.

 

9- Azeite: alimento rico em ácidos graxos monoinsaturados, que ajuda a combater a gordura localizada. O recomendável é o consumo de 2 colheres de sopa por dia.

 

10- Abacate: apesar de essa fruta ser rica em gordura mono insaturada, ela também contribui para diminuir o acúmulo de gordura no abdômen.  O abacate é rico em glutationa, substância que controla os níveis de cortisol. Procure comer em pouca quantidade, em dias alternados.