5 dicas para fazer mudança sem estresse

Está chegando a hora de mudar de casa e você não sabe por onde começar a se organizar. Bate o desespero só de imaginar o que está por vir. Sim, sem dúvida, tudo isso é mesmo muito estressante. "Nesse momento a pessoa pode passar também por mudanças internas, e ao mesmo tempo em que cuida dos trâmites da casa nova ainda tem coisas para fazer na antiga", observa a personal organizer Priscila Sabóia, sócia da empresa Seja Personal Organizer. Cientes disso, pedimos algumas dicas para tornar esse processo menos penoso e as compartilhamos com você: 

1. Antes da mudança: Programe a entrega de móveis novos na futura casa, assim como as ligações de luz, gás, internet e telefone. Providencie a limpeza do local antes da mudança e confira as medidas dos cômodos, portas, elevadores e escadas por onde os móveis passarão. Quem mora ou vai morar em prédio também deve verificar os horários nos quais é permitida a mudança. Informe a data da mudança tanto o local onde vive atualmente quanto para o futuro condomínio.
2. Dias antes: Comece a embalar as coisas da casa - principiando pelo que não usa cotidianamente - e deixe para embalar no último dia apenas o que é  essencial. Identifique as caixas, detalhando seu conteúdo e informando para quais cômodos irão. Aproveite esse momento também para se livrar do que for inútil. Monte uma caixa com as coisas necessárias já no primeiro dia, para não ser preciso procurá-las em meio à bagunça.
3. A mudança: No dia fique de olho no trabalho do pessoal da transportadora, e veja se alguém pode ajudar a receber as coisas no local. Na casa nova, vá indicando aonde devem ser colocadas os itens que forem saindo do caminhão. Também pense em como você e sua família irão almoçar no dia e caso haja crianças, deixe pronto um lanchinho.
4. Arrumando as tralhas: Comece pelos quartos e arrume um pouquinho o banheiro e a cozinha: o básico para dormir, tomar café da manhã e utilizar o banheiro. Feito isso, relaxe e comemore com a família. No dia seguinte, pode começar a desocupar as caixas: ao abrir uma, tire tudo de dentro dela, mesmo que para colocar em um lugar provisório, mas livrando-se da caixa. 
5. Pós mudança: São necessárias algumas providências relativas à casa antiga, como pedir desligamento de luz, gás e água. Informe seus contatos da mudança de endereço, assim como empresas que enviam contas, banco, assinaturas de jornal e revista etc.

Aproveite bem essas dicas da personal organizer porque elas certamente serão muito úteis.Fora isso, sorte no novo endereço!

Gostou das dicas? Para encontrar carretos de mudança em São Paulo clique aqui e no Rio de Janeiro aqui! Se estiver em outra região, clique aqui!

#PasseAntesNoiLocal