Saiba como deixar a internet 'segura' para seus filhos

Os tempos mudaram, e as novas gerações já nascem completamente imersas na tecnologia; isso faz com que muitos pais, que não tinham acesso ao mundo virtual durante a infância, tenham dificuldades para lidar com a forma com a qual os filhos utilizam a internet; confira a seguir algumas dicas indicadas por Roberto Gutierrez, diretor de políticas de segurança do Google na América Latina.   

CUIDADO COM OS FAKES!
"O velho ditado 'não converse com estranhos na rua' também se aplica perfeitamente ao mundo digital. Muitos perfis falsos são criados para induzir alguém a compartilhar dados pessoais como senhas, endereços ou fotos, comprometendo sua segurança. Ao desconfiar de um perfil que pareça ser de um familiar ou amigo, recomenda-se checar essa pessoa usando algum outro canal de contato", orienta Roberto.

EVITE QUE SEU FILHO PRATIQUE CYBERBULLYING
"Uma regra de ouro é não escrever, seja por e-mail, mensagem instantânea ou publicação nas redes sociais, algo que você não diria pessoalmente para alguém. É importante explicar que o que é dito online pode ficar permanentemente na Web e afetar as pessoas de diferentes formas", ressalta o especialista. 

EXPLORE A TECNOLOGIA EM FAMÍLIA
Utilizando o mundo virtual na companhia dos pais, criam-se mais oportunidades para os filhos fazerem perguntas, esclarecerem dúvidas e também para os responsáveis ficarem cientes do modo de agir dos pequenos.  

ATENÇÃO ÀS TELAS!
Sempre que parar de usar seu computador, laptop ou smartphone, bloqueie a senha, para evitar que outras pessoas se apropriem de suas informações pessoais, ou utilizem seus perfis de forma indevida.

CONVERSE COM SEU FILHO
É fundamental falar sobre segurança tão logo se passe a usar a internet. "Embora crianças e jovens deem valor às opiniões dos amigos, eles tendem a confiar nos pais para assuntos mais importantes. A internet proporciona independência, mas ela vem acompanhada de muita responsabilidade", afirma Roberto.

SENHAS
É indicado escolher senhas seguras, configurando as opções de recuperação corretamente; sempre que usar uma conta em local público, lembre-se de se deslogar e jamais deixe sua senha gravada no sistema.

QUANDO, COMO E COM QUEM COMPARTILHAR INFORMAÇÕES
É importante estar atento e orientar o jovem em relação ao que ele informa na web. Ressalte que algumas informações devem ser trocadas apenas com pessoas de confiança, por exemplo. 

DENUNCIE
"É importante explicar para as crianças que elas não devem responder ou repetir a comportamentos inadequados que veem online", salienta Gutierrez, que ressalta que a maior parte das plataformas e sites possuem a opção de denunciar conteúdo impróprio.

Agora acredita que seu filho esta preparado para entra no mundo digital, mas seu computador está tão velho que nem liga mais? Nós te ajudamos a escolher um novo nas melhores lojas do ramo em São Paulo clicando aqui e no Rio de Janeiro aqui. Para qualquer outra região do Brasil, clique aqui!

#PasseAntesNoiLocal